EM CASO DE ÓBITO: 4020-2358 (disque a partir da sua cidade)
CENTRAL DE ATENDIMENTO AO CONVENIADO: 0800 024 1150
Empresa Amiga do Idoso!
Ao enviar os seus dados para saber mais sobre o nosso Plano Funerário Familiar, automaticamente, você faz uma doação para o Instituto Velho Amigo.

Planejamento financeiro familiar: saiba porque investir

O planejamento financeiro familiar é uma das peças mais importantes para manter a renda familiar sob controle

Planejamento financeiro familiar

Quando se fala em planejamento familiar, a primeira coisa que vem à nossa mente é a garantia de um futuro livre de apertos financeiros, uma estabilidade melhor para os filhos e uma boa qualidade de vida para toda família. Levar a educação financeira para o lar traz inúmeros benefícios, a curto e longo prazo.  

De acordo com a Confederação Nacional de Comércio (CNC), 60% das famílias brasileiras se encontram endividadas, com isso, se torna evidente a importância de um bom planejamento. Quando o assunto é o conforto e bem-estar da família, é importante levar em consideração todos os estágios que estamos expostos, um deles é a partida deste mundo.

Incluir um plano funerário no orçamento familiar, trará mais conforto durante esses momentos, e o melhor, com baixo investimento.

Falar sobre plano funerário ainda é um tabu, porém, imprevistos acontecem. Saiba como se planejar financeiramente!

A importância do planejamento financeiro familiar

O planejamento financeiro é essencial para o controle dos gastos realizados por toda família. É uma maneira preventiva de se proteger contra dívidas, evitando assim uma série de prejuízos financeiros e emocionais.

Quando se tem um balanceamento de todos os gastos financeiros de uma família e o controle sobre cada porcentagem do que é prioridade e do que pode ou não ser utilizado fica mais fácil conseguir chegar a realização de projetos e a tão sonhada estabilidade financeira.

Segundo a Pesquisa de Orçamento Familiar realizada pelo IBGE, os principais gastos das famílias brasileiras são com transporte, moradia, alimentação, saúde e vestuário. Você já para parou para analizar quanto tem gastado investindo nesses cinco itens?

Se a resposta foi não, continue lendo o artigo e descubra como investir no futuro da sua família.  

Comece pela regra do 50-15-3

Manter o orçamento familiar estável não é tarefa fácil, muitos se perdem por não saber como designar os seus ganhos, para isso existe a regra do 50-15-35 que consiste em dividir todas as despesas em três categorias:

  • 50% fica designado para gastos essenciais como conta de luz, água, telefone, curso, gasolina entre outros,
  • 15% do valor fica destinado as necessidades financeiras como as dívidas. Caso você não esteja endividado, esses 15% podem ser destinados a uma reserva ou aplicação.
  • Por fim, os 35% deve ter por destino a gastos não essenciais relacionados com o estilo de vida como restaurante, academia, viagens, roupas dentre outros.

Como fazer um planejamento familiar

O planejamento familiar é um processo que precisa ser motivado por meio de metas a serem alcançadas, para isso, organização e divisão de responsabilidade faz toda a diferença.

Dividir gastos

Para um bom êxito financeiro familiar, a divisão de gastos passa a ser fundamental. Dividir os compromissos com filhos ou pessoas que morem no mesmo lar, faz com que eles amadureçam no sentido de um aprendizado econômico.

Usar o argumento de uma viagem nas férias ou quem sabe o passeio tão esperado pode ser uma forma de motivar os familiares a entrarem em um acordo na divisão das despesas.

Controlar gastos

Cortar gastos é um fator principal da lista. Sempre que for necessário comprar algo deve-se fazer a seguinte pergunta ‘’isso é o que eu quero ou o que eu preciso? se a reposta for o que eu quero, descarte.

Estabeleça metas

Estabelecer uma meta é essencial. Contabilizar os gastos mensais e o que pode ser cortado.

A princípio pode não fazer muita diferença, mas a curto e longo prazo a diferença será notória.

Investir no futuro

Agora que você já aprendeu economizar e guardar dinheiro por meio da regra do 50-15-35, está na hora de pôr em prática, investir no futuro é sem dúvidas a melhor maneira de evitar possíveis imprevistos. Optar por um título de capitalização pode ser uma boa opção para geração de um retorno.

Outra opção é a contratação de um plano funerário familiar, apesar de ser um assunto que as pessoas não gostem muito de tratar é algo que também deve ser incluso neste planejamento, afinal, os custos com um funeral pode trazer as famílias um desequilíbrio financeiro incalculável.

A Amar Assist, empresa especializada em assistência em serviços funerários possui o Plano funerário familiar, com modalidades que permitem a inclusão de 6 a 10 pessoas. Com mensalidades a partir de R$ 69 sua família ficará assegurada durante um dos momentos mais difíceis da vida, o momento da perda.

Quer saber mais sobre o plano funerário familiar, acesse www.planofunerariofamiliar.com.br


Você deseja conhecer nossos planos? Preencha o formulário abaixo!