EM CASO DE ÓBITO: 4020-2358 (disque a partir da sua cidade)
CENTRAL DE ATENDIMENTO AO CONVENIADO: 0800 024 1150
Empresa Amiga do Idoso!
Ao enviar os seus dados para saber mais sobre o nosso Plano Funerário Familiar, automaticamente, você faz uma doação para o Instituto Velho Amigo.

Entenda como funciona um plano funerário e se vale a pena ter um

Uma solução que protege você e seus familiares

Entenda como funciona um plano funerário e se vale a pena ter um

Muitas pessoas não planejam questões relacionadas com o seu funeral. Afinal, é um momento delicado e nós temos muita dificuldade em entender a efemeridade da vida e a presença da morte. Contudo, ela é inevitável e é importante estarmos preparados para quando isso ocorrer.

Uma das formas de lidar com isso é planejar os ritos funerários. O plano funerário, assim, tem um papel importante para auxiliar seus entes queridos em um momento tão singular.

Vamos mostrar como você pode se planejar, a importância de estar atento a essas questões e como funciona um plano funerário – lembre-se que não é preciso esperar envelhecer para isso! Confira e tire suas dúvidas sobre o tema.

O que é um plano funerário?

O plano funerário diz respeito a um serviço de assistência que a pessoa pode adquirir para garantir mais tranquilidade e menos problema em um momento tão doloroso para familiares e amigos. Ele, assim, permite acesso aos serviços e ações necessárias para que seja possível iniciar os trâmites funerários de forma segura e viável.

Como funciona um plano funerário?

O plano funerário funciona como uma espécie de seguro, ou seja, quando ocorre o sinistro (quando há o falecimento do titular do plano), a pessoa responsável pelos trâmites deverá entrar em contato na central de atendimento e passar os dados referentes.

O titular paga uma taxa mensal para garantir os serviços das coberturas disponíveis em caso de problemas (como a morte do assegurado). Isso estará determinado em contrato e é fundamental que os familiares e pessoas próximas estejam cientes da contratação.

É importante estar atento, também, para as questões referentes à carência do plano — o período no qual não será possível contar com os benefícios dele. Os prazos variam de acordo com a empresa que comercializa o plano, contudo, normalmente ele dura até, no máximo, 12 meses.

Falar sobre plano funerário ainda é um tabu, porém, imprevistos acontecem. Saiba como se planejar financeiramente!

Quais as modalidades do plano funerário?

Engana-se quem acha que há apenas uma modalidade de plano funerário. Ter ciência disso permite evitar surpresas desagradáveis em um momento tão complicado e, portanto, é fundamental estar ciente das diferenças entre assistência funeral e auxílio funeral.

Assistência funeral

A assistência funeral é uma modalidade na qual a própria empresa realiza os serviços previstos no contrato do plano, de forma que você não precisa pagar nenhum deles. Assim, normalmente são oferecidas por grupos funerários, que contam com parceiros que realizam alguns serviços que elas não operam. Por exemplo, o traslado do corpo, caso a morte ocorra em outra localidade.

Auxílio funeral

Neste, a empresa responsável pelo serviço realiza o reembolso de todos os custos referentes ao funeral do titular do plano (desde que previstos no contrato). Assim, familiares e pessoas próximas arcarão com os custos imediatos e, posteriormente, apresentarão as notas para reembolso.

Lembre-se que os valores também poderão estar limitados ao limite assegurado. Ou seja, se o documento prever que o valor é R$5 mil, os custos acima disso não serão ressarcidos.

Por que é vantajoso fazer um plano funerário?

Nós sabemos que é difícil para muitas pessoas pensar neste momento. Contudo, é importante que você considere isso como uma forma de proteção para as pessoas próximas a você. Vamos mostrar os principais pontos de benefícios a seguir.

Garante que os serviços serão prestados no momento necessário

Quando você não está preparado para este momento, uma série de imprevistos podem ocorrer no momento do funeral. Afinal, os ritos funerários são custosos e, portanto, torna-se difícil, muitas vezes, arcar com eles de imediato.

Por meio do plano funerário, é possível minimizar os impactos e desconforto, permitindo vivenciar o luto de forma adequada. Assim, você garante, para sua família e amigos, que os serviços serão prestados no momento necessário, protegendo-os de apertos financeiros e desesperos.

Auxilia na redução de custos

O impacto de um funeral, de imediato, pode ser muito alto para aqueles ao seu redor. Ao optar pelo plano funerário, você paga um valor pequeno por mês, o que não pesa no seu orçamento e nem para seus familiares em um momento de eventual problema.

Além disso, outro ponto importante é: mesmo que o plano não cubra todas as despesas, isso representará uma diferença significativa nos valores sem o plano. Por isso, é importante contar com ele.

Traz mais segurança e tranquilidade para a família

Quando um familiar falece, é um momento delicado, de forma que todos ficam consternados e tem dificuldades para lidar com uma série de decisões, principalmente, financeiras.

O plano funerário, assim, tem o papel fundamental de oferecer mais segurança, tranquilidade para os envolvidos e evitar potencializar a dor de um momento tão difícil.

Quais as principais coberturas do plano funerário?

É importante saber quais são as coberturas previstas no plano funerário para não ser pego de surpresa. Além disso, caso tenha interesse em outros tipos de serviços que não estejam inclusos, pode-se optar ou por coberturas adicionais ou investir em formas de garantir alguns serviços. Os planos disponibilizam:

  • apoio de translado;
  • caixão;
  • sepultamento ou cremação;
  • velório;
  • taxas municipais;
  • enfeites florais;
  • necromaquiagem, entre outros.

Quais os principais tipos de planos funerários que você pode contratar?

Não há apenas um tipo de plano funerário. Assim, é importante que você tenha consciência de quais possibilidades existem e optar por aquele que mais se adéqua as suas perspectivas e anseios. Os principais comercializados são:

  • individual: tem cobertura apenas para o contratante e costuma ser mais em conta. É possível adicionar dependentes para contar com os benefícios do plano, caso queira;
  • familiar: ele já é contratado com a proposta de garantir proteção para mais de uma pessoa do mesmo núcleo familiar.

Para escolher a empresa fornecedora do plano ideal, é fundamental avaliar algumas questões, tais como:

  • analisar a reputação do grupo funerário;
  • observe o custo-benefício;
  • escolha o plano que atender melhor às suas necessidades;
  • confira o contrato que for mais vantajoso para você;
  • analisar os períodos de carência;
  • analisar como é o acolhimento do negócio com os familiares no momento de acionamento do serviço.

Ficou mais claro como funciona um plano funerário? A Amar Assist tem planos que podem se encaixar no seu orçamento e trazer mais tranquilidade para os familiares em um momento doloroso como a perda de um ente querido.

Por isso, não deixe de entrar em contato e conhecer nossos planos. Temos certeza de que você encontrará o melhor para suas necessidades.


Você deseja conhecer nossos planos? Preencha o formulário abaixo!