EM CASO DE ÓBITO: 4020-2358 (disque a partir da sua cidade)
CENTRAL DE ATENDIMENTO AO CONVENIADO: 0800 024 1150
Plano Funerário Familiar
a partir de R$ 75 mensais
Grátis
  • Assistência Residencial
  • Consultas PET
  • Mecânico e Guincho (carro e moto)
  • Seguro de vida de 20 mil
Garanta hoje a proteção que sua família merece.

Jazigo perpétuo ou temporário? Veja como escolher a melhor opção

Entenda a diferença entre Jazigo perpétuo e jazigo temporário

de Amar Assist , 3 DEZEMBRO de 2020

Uma pessoa colocando flores sobre um túmulo.
Nós não estamos muito acostumados a planejar questões sobre o nosso falecimento, não é mesmo? Uma questão é: isso é um fato, ocorrerá algum dia. Portanto, precisamos analisar tudo que está envolvido com essa situação. Antecipar e minimizar possíveis problemas futuros é uma forma de proteger seus familiares e entes queridos.


Plano Funerário Familiar

Cuide bem de quem você ama.


Uma das questões envolvidas diz respeito a escolha entre jazigo perpétuo ou temporário — caso prefira ser sepultado. Você conhece bem essas opções para decidir qual delas é a melhor para você e seus familiares?

Neste artigo, falaremos mais sobre o tema, mostraremos as diferenças entre eles e tiraremos as dúvidas sobre o assunto. Boa leitura!

O que é o jazigo perpétuo?

O jazigo perpétuo é um espaço adquirido por uma pessoa, tornando-se propriedade daquela família de forma permanente. Assim, quando é necessário realizar o sepultamento de um familiar, pode-se utilizar aquele espaço.

Assim, o jazigo perpétuo pode ser considerado uma propriedade familiar, na qual os demais membros podem utilizar em um momento delicado, garantindo mais segurança e tranquilidade para todos.

A sua aquisição é semelhante à de um imóvel: você comprará o espaço por meio de uma escritura. A legislação para esse tipo de transação é a mesma para o setor imobiliário. Por isso, também é importante que o herdeiro esteja atento para a questão da transferência de titularidade, informando-se com a administração do grupo funerário.

Qual a diferença do jazigo perpétuo para o temporário?

Outra opção de sepultamento pode ser no jazigo temporário. Nestes casos, funciona como uma espécie de locação temporária: ou seja, de acordo com o tempo do contrato, o ente poderá ser sepultado naquele local. Assim, aquela propriedade não é da família, mas sim ocorre a possibilidade de uso por um tempo determinado.

Normalmente são prazos entre 3 e 5 anos, definidos em contrato junto ao grupo funerário responsável. Ao terminar esse tempo, o corpo pode ser exumado e a família deverá decidir entre:

  • transferir os restos mortais para o ossário do cemitério;
  • cremação;
  • transferência para um jazigo perpétuo, entre outros.
Neste momento, o jazigo temporário passa, novamente, a ser posse do grupo funerário, que poderá locá-lo para novos clientes.

O jazigo temporário, normalmente, é a opção adquirida quando há um sepultamento emergencial, ou seja, quando a pessoa não possuía um plano funerário, por exemplo. Contudo, caso ela opte, pode adquirir o uso de um jazigo temporário.

Quais as vantagens de cada um?

Jazigo Perpétuo

Uma das vantagens do jazigo perpétuo é a garantia de que, em caso de ocorrência de uma morte súbita de um familiar, por exemplo, haverá o espaço destinado para ele, de forma que não terá problemas ou gastos excessivos em um momento tão difícil. Assim, é uma garantia e tranquilidade importante para os familiares, que poderão se dedicar a este momento a vivenciar o luto.

Contudo, é necessário que os responsáveis assumam a responsabilidade pelas obrigações ou poderão perder o local. É importante ressaltar que, legalmente, ele é encarado como uma extensão do bem de família.

Por isso, também, é um bem que passa para os herdeiros. Por exemplo, caso você seja o titular e venha a falecer, a titularidade do jazigo passará para seus filhos ou cônjuge, passando de geração para geração. Outras vantagens são:

  • evita que os familiares tenha que lidar com isso de forma desprevenida;
  • o pagamento para aquisição do jazigo perpétuo pode ser facilitada por meio de prestações;
  • elimina a necessidade de exumação futura e busca de um novo local para os restos mortais do ente querido, evitando também os gastos relacionados com este fim.

Jazigo Temporário

Já uma das vantagens do jazigo temporário é que, diferentemente do jazigo perpétuo, não há a necessidade de pagar a taxa de manutenção — semelhante a taxa condominial que você arca em seu prédio, por exemplo. Assim, pode ser menos custoso para a família.

Quando ocorre o não pagamento da taxa por parte da família, no caso do jazigo perpétuo, quando for necessário utilizar o local para sepultar outros familiares, o grupo funerário pode se recusar a realizar o processo devido ao atraso no pagamento da taxa obrigatória. Por isso, é importante que essa obrigação esteja nas mãos de um familiar responsável, que não deixará de cumprir com os pagamentos.

Além disso, o jazigo temporário pode ser uma opção para aqueles que não tenham outros familiares próximos que possam aproveitar o bem (por exemplo, cônjuge e filhos) e, portanto, não faria sentido a aquisição perpétua.

Outras pessoas também, por crenças pessoais, não veem sentido na aquisição de algo a longo prazo, pois gostariam de ter, por exemplo, seu corpo cremado. Assim, pode ser uma opção temporária, antes que os trâmites da cremação sejam realizados e, portanto, não faça sentido a aquisição permanente.

Como escolher o tipo de jazigo ideal?

Como você pôde perceber acima, cada opção está associada a um tipo de situação. Assim, é importante que você analise o que é mais importante para o seu caso: proteger você e seus familiares a longo prazo, adquirindo um bem de família; ou minimizando custos e optando por algo temporário, já que não há necessidade de adquirir algo permanente.

Pense em cada uma dessas opções e quais são mais vantajosas para a sua vida e de seus familiares. Muitas vezes, por exemplo, seu parceiro e filhos já têm a opção do jazigo da família deles, tornando essa aquisição supérflua ou irrelevante, a depender da sua crença. Portanto, analise os prós e contras.

Caso tenha alguma dúvida sobre essa questão ou ainda não tenha se decidido, uma opção interessante é conversar com profissionais da área. Eles estão acostumados com esse tipo de situação e poderão trazer informações importantes para auxiliar nesta tomada de decisão.

Independentemente se a sua escolha seja para jazigo perpétuo ou temporário, é importante ter um plano funerário adequado para as suas necessidades, permitindo trazer mais conforto para seus familiares e, assim, evitar aumentar ainda mais a dor em um momento tão delicado, diante da perda de um ente querido.

Para isso, conte com a Amar Assist. Temos os planos ideais para cada tipo de situação, além de oferecer todo o suporte para este tipo de situação. Entre em contato e converse com um de nossos atendentes sobre o serviço.


Artigos Relacionados